Matemática do Amor

Considerando a seguinte afirmação:

O amor é o produto de um homem com uma mulher.

Chamando eu (o homem) de a e você (a mulher) de b, temos:

amor = a*b

Agora, se somarmos a segunda potência do homem com a segunda potência da mulher e o amor de cada um formaremos o trinômio quadrado perfeito:

a*a + 2*a*b + b*b

Porém, se extrairmos a raiz quadrada dessa equação irá sobrar apenas eu e você, ou seja, irá sobra a+b, pois (a+b)*(a+b) = a*a + 2*a*b + b*b.

Agora eu pergunto: Cadê o amor? Será que ele não existe?
A resposta é essa: Não é porque não podemos pegar o amor, não podemos tocá-lo, mesmo que não se perceba ou que não se faça perceber, não quer dizer que este amor não exista.

Renato Bezerra Kato(adaptado)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: